Pintura

John Godward, nem as deusas são tão belas

A cantora e compositora do País de Gales, Marina (ex-Marina and The Diamonds), está lançando seu novo trabalho. O clipe da música que começa a divulgar o álbum engloba a questão da natureza e o empoderamento de minorias sociais com a estética das obras do pintor inglês John William Godward. Todo o projeto foi feito somente por mulheres. Não é por menos, Godward pintou as mais belas e inspiradoras obras retratando a beleza das mulheres.

As pinturas de John Godward são amplamente admiradas e colecionadas. Alcançou uma reputação considerável como pintor de mulheres jovens em ambientes clássicos que atendiam a detalhes de mármore e tecido. 

Godward nos deu o prazer de ver como é a perfeição na delicadeza do rosto de uma mulher e na simplicidade dos seus gestos. Nem as deusas foram pintadas com tamanha dedicação.

Nasceu em 1861 e viveu em Wilton Grove, Wimbledon. Era o mais velho de 5 filhos. Embora no período de 1887-1905 ele tenha exibido na Royal Academy of Arts, não recebeu reconhecimento por seu trabalho e não se encaixou no ambiente artístico da Inglaterra. Em 1911-1921 viveu em Roma, que, no contexto da difusão do vanguardismo, permaneceu como um reduto da arte neoclássica.

O infortúnio na sua vida se deu mais tarde, quando chegou de vez o declínio de interesse por temas clássicos, estilo de pintura que caiu em desuso com a chegada de pintores como Picasso. Godward, triste com a situação, cometeu suicídio aos 61 anos e dizem ter escrito no bilhete que deixou “O mundo não é grande o suficiente para mim e um Picasso“.

No entanto, seria um desproposito para a arte comparar os dois artistas. Cada qual no seu tempo e caminho. Nenhum domina o que o outro pensa e cria, mas apenas a sua própria arte.

Godward vivia nesse diapasão de sentimentos, uma vida tumultuada com seus parentes, que chegaram a destruir quase todos os vestígios das atividades do artista, nem uma única fotografia dele sobreviveu. 

Somente na década de 1970, com o despertar do interesse pela arte decorativa e de salão, a pintura de Godward passou a atrair críticos de arte e colecionadores, e seu trabalho passou a ser apreciado. A velha maldição do reconhecimento apenas post mortem.

Fonte de pesquisa: Royal Academy of Arts, Marina Oficial Site, Uai, Useum Beta, Rosembum, Fine Art America,

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to top button